Turismo colaborativo redefine as maneiras de viajar

O serviço de compartilhamento de automóveis Blablacar.com é uma das modalidades de turismo colaborativo que vem ganhando força.

A multiplicação de sites dedicados a apresentar viajantes a moradores dos destinos visitados e aproximar desconhecidos é um sintoma do interesse crescente pelo turismo colaborativo, que ganha força especialmente na Europa. Essa é a conclusão de uma pesquisa internacional, divulgada essa semana na edição londrina do World Travel Market, evento anual voltado para a indústria de turismo. O estudo analisou as tendências mais marcantes detectadas no mercado de viagens ao longo de 2013.

Entre os endereços apontados pelo estudo estão sites como o Blablacar.com, serviço de compartilhamento de transporte, que aproxima motoristas de possíveis passageiros que estejam indo para o mesmo lugar na mesma data. Na prática, serve para quem tem um carro, mas quer enxugar os gastos com gasolina, e ainda ajuda pedestres a conseguirem uma carona em conta.

Desde agosto desse ano, a página atraiu mais de três milhões de pessoas de dez países da Europa. Desse total, 600 mil usam o serviço mensalmente.

Em resposta à demanda crescente dos turistas por uma experiência mais “autêntica”, sites como o Vayable.com também ganham cada vez mais destaque. A página apresenta viajantes a guias e moradores dos lugares que serão visitados. A ideia é que, ao serem apresentados a pessoas que realmente conhecem a cidade, visitantes possam ir além dos pontos turísticos mais famosos do lugar. Cabe aí desde aprender a grafitar nas ruas de Barcelona a fazer passeios de bicicleta noturnos em Berlim ou ainda conhecer os cenários das filmagens de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, em Paris.

Outra plataforma nesses moldes é o Voulezvousdiner.com que aproxima viajantes gourmet de moradores que gostam de cozinhar, dar festas e receber convidados.

De acordo com o estudo, as opções de hospedagem privadas na Europa – geralmente representadas por gigantes como Airbnb, Flipkey e Housetrip – devem movimentar US$ 15,4 até 2017.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s