7 leituras excepcionais para dias chuvosos

Por: Gunther Guedes

Aproveitando o dia chuvoso, a preguiça e a vontade de mergulhar em sua casa, o Viver Natal lança sua pesquisa em escritores locais, a fim de descobrir um pouco da produção local. Nesta busca, encontramos leituras excepcionais que gostaríamos de compartilhar com vocês.

São escritores locais com as mais diferentes histórias e misturas. Dos exploradores, passando pelos curiosos na história da Segunda Guerra Mundial ou do Valdetário Carneiro. Temos contos que recontam a partir de uma riqueza de detalhes outras épocas de nossa cidade e estado, e também poemas suaves e crônicas divertidas.

Boa leitura

1) Bandeira de Trapos

Se você tem alma de explorador, gosta de ouvir histórias de onde passa, observa atentamente a sua volta, nossa indicação é ler o livro Bandeira de Trapos, da escritora e jornalista Themis Lima. Durante um mochilão por alguns países da América do Sul, Argentina, Paraguai, Uruguai e Bolívia, a escritora conta a história de diversos personagens que conheceu no percurso, podemos citar o chileno que cantava nos ônibus para sobreviver e a travesti peruana que morava naquele albergue há muito mais tempo que a escritora. Um livro ideal para os exploradores.

Imagem

2) Valdetário Carneiro: a essência da bala

Considerado um dos assaltantes de banco mais temidos do Rio Grande do Norte e do Nordeste brasileiro, Valdetário Carneiro comandou assaltos a bancos, participou de assassinatos e desafiou a polícia potiguar. A obra dos jornalistas Rafael Barbosa e Paulo Nascimento busca mostrar o lado por trás da vida de crimes.  livro apresenta desde o nascimento até sua morte, que foi no confronto policial; apresenta documentos, incluindo o inquérito que investigou a morte de Valdetário, que tem partes anexadas ao livro, fotografias dele em família, preso. O livro possui muitos depoimentos anônimos, que revelam alguns detalhes da vida pessoal dele,  com as esposas, com as três mulheres que ele teve, com os seis filhos. Com os amigos também, com quem ele se mostrava uma pessoa totalmente diferente de quando agia, de quando assaltava e cometia homicídios.

Imagem

3) O verso e o Briefing 

Resultado de uma pesquisa para a Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), Clotilde Tavares resolveu documentar os “folhetos de propaganda”, muito populares no interior do Nordeste brasileiro, o trabalho rendeu o livro “O verso e o briefing”: a publicidade na literatura de cordel. Uma leitura gosta e interessantíssima para todos os estudiosos da área de comunicação.

Imagem

4) É preciso ter sorte quando se está em guerra

No livro, Pablo Capistrano traz contos perfeitamente descritivos e de leitura saborosa. Pequenas viagens sentimentais às outras década. O conto de abertura, ‘A Escada de Jacó’, retoma um tema clássico da literatura do gênero, o doppelgänger, o duplo, que está por aí assombrando escritores há um bom tempo. No enredo, um norte-rio-grandense descobre um ‘antípoda’ seu, mais famoso e bem sucedido, morando no Rio Grande do Sul.

Imagem

5) Catavento

Uma leitura poética, doce e encantadora. É assim que defino a obra da jornalista Vanessa Augusta Cortez. O fanzine te leva a imergir no mundo das poesias, fazendo-a(o) levitar como sua capa.

Imagem

6) Eu não sou herói

Aos amantes da história: um resgate da Segunda Guerra Mundial a partir de um sobrevivente. O livro conta a história do ex-combatente Emil Anthony Petr, natural da cidade de Deweese, no estado de Nebraska, EUA. A narração mostra detalhes mínimos desde o chamamento de Emil pelas forças dos EUA e os aliados, passando por sua captura pelos inimigos até quando decidiu morar em Natal. Entre as partes mais fascinantes da leitura reside no fato dele considerar que a “Falta de justificativas para a violência”, que no seu entendimento ainda não foi aprendida pela humanidade.

Imagem

7) Ana e o Sapo

Um livro de traço leve e muito bom humor. A escritora AnaLu, que já possui vários seguidores nas redes sociais e no site (www.tiraninha.com.br) reproduz em seus monólogos dos “quadrinhos de um quadro só” acontecimentos do dia a dia, pequenos e divertidos absurdos que às vezes passam despercebidos na pressa diária. São crônicas cotidianas de uma menininha que para fugir das angústias da rotina, resolveu criar o seu personagem e conversar com seu sapo.

É com Ana e o Sapo que encerramos nossa matéria de hoje.

Ana e o sapo

Ana e o sapo

Anúncios

2 pensamentos sobre “7 leituras excepcionais para dias chuvosos

    • Olá, Daniel. Você pode encontrar o livro Valdetário Carneiro em qualquer livraria Saraiva. Caso não consiga, entra em contato com a gente que falamos diretamente com os autores. Abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s